PROVÃO MUNICIPAL NA TERÇA-FEIRA

7 03 2009

Transcrição: Amanda Pinheiro “O DIA”

Exame identificará analfabetos funcionais. Dia 19, 720 mil farão testes de Português e Matemática  

Rio – Semana que vem a Prefeitura do Rio vai começar a medir o quanto aprenderam os alunos da rede municipal. Será aplicada terça-feira prova no 4º, 5º e 6º anos do Ensino Fundamental para identificar os analfabetos funcionais, que serão realfabetizados em turmas separadas. Dia 19, todos os 720 mil estudantes da rede farão exames de Português e Matemática que apontarão quem vai precisar de aulas de reforço em horário extra. A partir deste ano, haverá provões bimestrais com conteúdo único para todas as escolas. Segundo a Secretaria Municipal de Educação, esses provões bimestrais — elaborados pelos professores e pela secretaria — vão avaliar se o currículo escolar de cada série está sendo aplicado igualmente em todas as 1.042 unidades da rede. “A partir daí, vamos dar alunos e professores o apoio que eles precisam para ensinar e aprender em um único e bom nível”, esclareceu o subsecretário de Educação, Álvaro Crispino.

LER SEM ENTENDER

“A prova do dia 10 será de Português e identificará aqueles alunos que lêem, mas não entendem, que são os analfabetos funcionais. Eles serão realfabetizados”, explicou a secretária de Educação, Cláudia Costin. Esses alunos serão realocados em turmas especiais, onde vão reaprender a ler e, simultaneamente, receber o conteúdo da série em que está matriculado. Assim, não será preciso repetir o ano.

As provas de Português e Matemática serão sobre o que foi ensinado ano passado. No entanto, alunos do 2º ano farão provas apenas de Português. Os jovens testados dia 10 não estão isentos do exame do dia 19. Na Escola Tia Ciata, no Centro, alunos dos primeiros anos de alfabetização já estão preparados para a maratona de provas.

CONSELHEIROS

Outra medida adotada pela Prefeitura do Rio para melhorar a qualidade do ensino é a criação do conselho de notáveis batizado de Parceiros da Educação Carioca. O grupo é formado por professores, economistas, ex-secretários que vão fiscalizar o trabalho do sistema de ensino do Rio. Eles vão se reunir uma vez por mês para avaliar e ajudar no desenvolvimento dos programas de aprendizagem. Ontem, houve a primeira reunião do grupo com o prefeito Eduardo Paes. Dele fazem parte os economistas André Urani e Maria Silvia Bastos — ex-secretários do governo de Cesar Maia — e o ex-prefeito Israel Klabin.

 


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: