MUNICÍPIO: PACOTE DE BOAS NOTÍCIAS PARA A EDUCAÇÃO

9 01 2009

Transcrição: “O DIA” Amanda Pinheiro

 

Prefeito anuncia uma série de medidas para incentivar professores. Universitários serão chamados para reforço

 

Rio – Bônus para professores que baterem metas, premiação para alunos aprovados com boas notas, gratificação em dinheiro para profissionais que atuam em áreas de risco e contratação de centenas de universitários para dar aulas de reforço. Nem mesmo o orçamento apertado para este ano impediu o prefeito Eduardo Paes de reafirmar que a Educação do município começará o ano sem contenção de despesas.
Decreto publicado ontem cria o programa ‘Bolsa de Formação’, que vai contratar estudantes de Pedagogia e de Licenciatura para dar aulas de reforço a alunos com dificuldade de aprendizagem, conforme já havia sido anunciado pela secretária de Educação, Cláudia Costin, em entrevista exclusiva ao O DIA, em novembro. Cada estagiário receberá R$ 400 por mês, e aqueles que se habilitarem a trabalhar em áreas de risco terão o valor da bolsa elevado em mais R$ 200. O número de vagas ainda não foi definido, mas de acordo com a secretária, cada uma das 1.062 escolas do município terá professores de reforço. O ano letivo também terá incentivo direto para os alunos: a premiação em dinheiro para estudantes do último ciclo, criada por Cesar Maia no segundo semestre do ano passado, será mantida. Segundo decreto assinado pelo ex-prefeito, cada estudante receberá dois salários mínimos (R$ 760) se passar de ano com conceito Muito Bom (MB). Cláudia Costin, acompanhada pelo prefeito Eduardo Paes, abriu ontem a primeira de uma série de reuniões que terá com diretores de escolas públicas para explicar como implantará as novas diretrizes da Educação municipal. “Queremos ouvir os problemas de cada escola. Vamos dar continuidade a tudo de bom que foi implantado na administração anterior e acrescentar mais ainda”, prometeu Cláudia.

CRÍTICAS MAIS BRANDAS

A secretária reafirmou a continuidade da aprovação automática no ciclo de alfabetização, justificando que há estudos que comprovam essa necessidade, já que os níveis de alfabetização são diferentes para cada criança.
Eduardo Paes, crítico ferrenho do sistema de ciclos durante a campanha, resolver diminuir as farpas à antiga gestão: “Tenho certeza que o prefeito e a ex-secretária tinham as melhores intenções, mas faltou discutir o modelo”. Paes prometeu chamar 400 professores ainda este mês.

TESTE AO FIM DE 45 DIAS TERÁ DENGUE COMO TEMA

Cláudia Costin adiantou também que a avaliação à qual será submetida todos os alunos da rede pública ao fim dos 45 primeiros dias do ano letivo terá como tema o combate à dengue. Segundo a secretária, serão redações, interpretação de texto e todo o conteúdo da série anterior direcionados para o tema. Os alunos serão submetidos ainda a provas de Matemática. A avaliação servirá para testar o conhecimento dos estudantes. “Não podemos avançar com a matéria, se alguns alunos ainda não aprenderam a matéria da série anterior”, disse Cláudia. Sobre a mudança na cor dos uniformes, a secretária afirmou que será mantida a cor da gestão anterior — laranja —, já que as peças foram compradas recentemente. No entanto, a previsão é que, durante o recesso entre os dois semestres do ano, os alunos comecem a receber uniformes com as cores da nova gestão, o azul.


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: