POLÍCIA PRENDE FALSO PROFESSOR QUE DAVA AULA NA UNB

22 06 2008

Do G1, com informações do DFTV

Marcelo Lima dos Anjos era procurado por estelionato na Bahia.
A suspeita é que ele tenha apresentado diploma falso.

A Polícia Civil prendeu Marcelo Lima dos Anjos, na manhã de sábado (21), na casa dele, em uma área comercial da Asa Norte, bairro nobre de Brasília. Professor voluntário da Universidade de Brasília (UnB), ele responde a quatro processos na Bahia por estelionato e tinha um mandado de prisão preventiva, expedido pela Justiça do estado no ano passado. Em nome de autoridades, como o procurador-geral e o arcebispo de Salvador, Marcelo Anjos teria arrecadado dinheiro com parlamentares e personalidades. Foi preso duas vezes e há um ano e oito meses estava em Brasília. Trabalhou no Incra e na Faculdade IESB. Em fevereiro desde ano entrou na UnB, segundo a polícia, sem apresentar diploma universitário. O suspeito disse na delegacia que começou a dar aula na UnB indicado por um professor e ex-diretor da Fundação de Estudos e Pesquisas em Administração e Desenvolvimento (Fepad). Uma fundação de apoio responsável por gerir os recursos de pesquisa do Núcleo de Estudos em Saúde Pública (Nesp) da UnB. Em menos de quatro meses, ele passou a integrar uma comissão criada para reerguer a Fepad, que passa por uma crise financeira. E em um mês, se tornou coordenador da comissão. Marcelo Lima dos Anjos teve reuniões com o reitor, com o Ministério Público e com a Controladoria-Geral da União. E pode ser o responsável por um suposto desvio de R$ 200 mil dos cofres da fundação.
“Ele vai responder por tentativa de estelionato, porque estava em curso um golpe contra as finanças da fundação de pesquisa. E nós vamos investigar, a fundo, o que está por trás desse estelionatário. Como é que ele consegue galgar tantos cargos”, afirma o delegado Miguel Lucena. Foi o professor Edgar Merchab que desmascarou o estelionatário. O perfil de Marcelo Lima dos Anjos na página do CNPq não mostrava nenhuma produção científica. E ao fazer uma busca pelo nome dele na internet, a primeira coisa que apareceu foi uma notícia sobre a prisão dele na Bahia. “Ele tinha uma procuração do diretor anterior para gerir os recursos. Ele iria ter acesso aos recursos, com certeza”, diz o coordenador do NESP/UnB Edgar Merchab.
Ao ser preso, Marcelo Lima dos Anjos acabou sendo flagrado cometendo outro crime. Foi pego com um adolescente de 17 anos que sustentava há dois meses.
Marcelo vai responder também pelo crime de corrupção de menores. A UnB vai instaurar sindicância para saber como Marcelo Lima dos Anjos foi contratado. E informou que ele não dava aula em turmas regulares. Era apenas monitor. No IESB, Marcelo trabalhava desde agosto e foi demitido em maio desse ano.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: