Capitão que pretende mudar de sexo buscou apoio em militar que fez a operação em março

22 05 2008

Antero Gomes – Extra

RIO – Na página atualizada de Fabiane Clara, de 28 anos, no Orkut (site de relacionamentos da internet), consta que ela é do sexo feminino e solteira. Desde 27 de março, quando fez operação de mudança de sexo, Fabiane, que até então era o terceiro sargento do Exército Fabiano, tem provas biológicas para afirmar isso. O caminho sem volta começou a ser traçado em 2006, mais ou menos na época em que um capitão-de-corveta da Marinha a chamou para fazer parte de uma comunidade de transexuais no Orkut. Esse capitão-de-corveta x., de 36 anos , é o mesmo que, em março, anunciou a seus superiores que também pretendia fazer a operação ” Depois que operei, ela foi à minha casa me visitar ” – A amizade nasceu naquela época. Primeiro, nós nos comunicamos por mensagens eletrônicas. Mas, em 2007, eu fiquei na sua casa, por dois dias, no Rio. Este ano, depois que operei, ela foi à minha casa me visitar, em Juiz de Fora, Minas Gerais – disse Fabiane Clara. Fabiane e X. não são as únicas. Na Aeronáutica, já houve um caso de um cabo que foi reformado depois de, aos 40 anos, assumir ser transexual. Conseguiu ser reformado, já que tinha mais de dez anos de serviço. O mesmo deve acontecer com X., que está atualmente de licença médica. Fabiane, no entanto, não teve a mesma sorte. Ela foi licenciada definitivamente do serviço militar, em abril, a menos de um ano de alcançar a estabilidade. – Eu e a capitão passamos pelo mesmo problema, vivemos o mesmo problema. Por isso, é mais fácil procurar ajuda uma na outra – disse o ex-terceiro sargento. Fabiane e X. eram casados com mulheres antes de assumirem serem transexuais. O capitão tem um filho de 4 anos. Sargento diz que encontrou a felicidade Mesmo brigando na Justiça para conseguir ser reformado como sargento, Fabiane se diz feliz hoje, depois de passar os últimos dois anos em sucessivas crises.

” O que me restou foi consertar o corpo, porque eu não podia consertar a mente” – Procurei ajuda com vários profissionais. Não deu. O que me restou foi consertar o corpo, porque eu não podia consertar a mente. Hoje, eu me completei. Livrei-me totalmente da depressão. Dois meses depois de ter feito a operação, Fabiane já assumiu totalmente o novo sexo. Ela criou um blog, onde conta, dia-a-dia, sua sensação após a mudança. Seu novo e-mail começa com a expressão “meninafabiane”. “Nasci somente aos 28 anos porque é nessa idade que um médico tirou-me de um corpo que me envolvia”, disse em seu blog.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: