O início do caminho

30 04 2008

Geny F. Guimarães:

Mestre em Ciências Sociais e Políticas e professora de Geografia
Rio – A Lei 10.639, sancionada pelo presidente Lula, tornou obrigatório o ensino da História da África e do afrobrasileiro em todas as disciplinas dos ensinos fundamental e médio. A lei é fruto de longa batalha dos muitos movimentos negros, das muitas vozes, às vezes solitárias, que militam por uma causa coletiva, mas de forma individual em ações no cotidiano. A lei se torna realidade após tantos projetos, iniciativas e embates dos movimentos negros com o governo. Mas a sua jornada vem de longa data. Assim como a atuação de vários professores criando maneiras de levar para a sala de aula tais discussões, Na maioria das vezes, sendo repudiados pelos próprios colegas de trabalho e a direção escolar. A lei chega para tornar legítima uma prática que para alguns já era real e que para outros está se tornando cotidiano. Agora, tais professores não podem mais ser criticados pela alegação de não cumprirem com o currículo, ou desejarem a discórdia em sala de aula com assuntos polêmicos e tabus. Mas, num país onde as leis geralmente são ignoradas, escolas públicas, sucateadas, e professores, desrespeitados, a lei encontra barreiras. Dentre elas, sua aceitação, pois não se mudam práticas culturais apenas com uma lei. Outra dificuldade diz respeito aos materiais didáticos, praticamente inexistentes, apesar dos vários cursos gerados pelos movimentos negros e da solidariedade de professores que criam mil estratégias de aula e produtos alternativos. Alguns colegas ainda boicotam a lei, escolas ignoram-na e boa parte do material didático ainda é improvisada. Mas alcançamos mais uma vitória com a inclusão da obrigatoriedade para as questões indígenas, ampliando a Lei 10.639 com a Lei 11.465. Falta muito ainda, mas é esse é um caminho.

 

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: