Curso vale cargo em escolas

26 04 2008

Todos os diretores terão que ser aprovados nas aulas de capacitação obrigatórias

Michel Alecrim (“O DIA”)

Rio – As 1.591 escolas estaduais vão passar por programa de gestão. Os 5.330 diretores, subdiretores e orientadores pedagógicos serão capacitados para planejar melhor o ensino. No entanto, quem não aderir e não concluir o curso ou for reprovado será afastado do cargo. O Programa Estadual de Gestão Escolar foi lançado ontem no Palácio Guanabara pelo governador Sérgio Cabral e a secretária de Educação, Tereza Porto. Para o governador, projetos como esse corrigem defasagem histórica. “O que ocorreu com a educação no Brasil nas últimas décadas foi a destruição passo a passo de uma estrutura que era eficiente, que oferecia educação de qualidade e salários dignos aos profissionais. E ela foi ao mesmo tempo fragilizada e massificada”, afirmou Cabral, que defendeu a massificação do ensino com qualidade. Tereza Porto ressaltou que, além de montar um plano com prioridades, os diretores terão que efetivamente cumprir as metas estabelecidas. Quem não fizer o curso ou não comparecer às aulas ou não for aprovado será afastado do cargo.

SINDICATO CRITICA
A coordenadora-geral do Sindicatos Estadual dos Profissionais de Ensino (Sepe), Vera Nepomuceno, afirmou que o programa é um “atentado contra a democracia nas escolas”. “Escola não é empresa nem educação é mercadoria”, disse Vera, que defende eleições diretas para diretores. Já a secretária negou que a medida seja antidemocrática. Segundo ela, o plano terá que ser elaborado com a participação da comunidade.
Aumento para quem fiscalizar programa
A tarefa de acompanhar a implantação do Programa de Gestão nas Escolas ficará a cargo de 170 professores, que passarão por um curso à parte. Quem quiser se candidatar ao novo cargo precisa se inscrever na Internet a partir de segunda-feira. Além da capacitação, os servidores terão aumento e seus salários serão elevados a R$ 2 mil. Segundo a secretária Tereza Porto, esses professores terão a função de verificar de perto se o plano de ação traçado pelo diretor está sendo implantado e colaborar para que as metas sejam cumpridas. A secretaria está tratando-os como “multiplicadores”. Quem quiser se candidatar poderá se inscrever a partir de segunda-feira no site da secretaria (www.educacao.rj.gov.br). A Secretaria de Educação pretende abrir numa segunda etapa outro curso de capacitação em gestão para professores que queiram virar diretores de escola. As metas estabelecidas nessa primeira fase começarão a ser implantadas no ano que vem. O início das palestras ainda não foi marcado. Orientadores pedagógicos também participarão.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: