A EDUCAÇÃO BRASILEIRA… CADA VEZ APODRECE MAIS!

10 04 2008
Brasil perde posição em tecnologia
 

Entre 127 analisados, país ocupa 59º lugar em capacidade de tirar proveito da acessibilidade

Cristine Gerk (do “JORNAL DO BRASIL)

O Brasil continua perdendo posições no ranking tecnológico global. Em uma classificação do Fórum Econômico Mundial, que avalia a capacidade de 127 nações de tirar proveito de tecnologias da comunicação e da informação (TCI) para crescer, o país aparece em 59º lugar, seis posições abaixo em relação ao ranking anterior. As principais causas da queda, segundo os autores do estudo, são falhas na educação, pouco investimento em pesquisa e um ambiente regulatório inadequado.

O Relatório Global de Tecnologia da Informação 2007-2008 analisa o preparo para usar a TCI em três áreas, o ambiente geral, que envolve regulatório, empresarial e de infra-estrutura; a implantação das últimas tecnologias disponíveis e a possibilidade de uso da internet por indivíduos, empresas e governos. A listagem é encabeçada por Dinamarca, Suécia, Suíça, Estados Unidos e Cingapura. Entre os países latino-americanos, o líder é o Chile, na 34ª posição. Já o Brasil vem caindo desde 2005. É superado por países como Turquia, México, Jamaica, Arábia Saudita e Barbados. Entre as nações da América Latina, o Brasil também perdeu uma posição, passando para o sexto lugar.

O documento mostrou que o Brasil ocupa apenas a 100ª posição entre os governos que colocam as tecnologias de informação como suas prioridades. Para os autores do estudo, o problema é estrutural. Segundo Irene Mira, co-autora da pesquisa, a tecnologia sozinha não gera competitividade numa economia. É preciso um ambiente favorável.

No que se refere à educação, os especialistas apontam que a tecnologia só pode criar competitividade se uma população está pronta para tirar proveito dela. E o Brasil não tem uma educação de primeira classe. Em termos de qualidade do ensino de matemática e ciências, está apenas na 114ª posição. Já no critério de qualidade do sistema educacional, o país ocupa a 117ª posição.

O Brasil ocupa o último lugar quando se analisa o efeito dos impostos sobre o mercado de TIC. O peso da regulação do Estado também é criticada. O país aparece na 125ª posição por esse critério. Também não obtém uma boa classificação quando se trata do tempo e dos requerimentos necessários para iniciar um negócio (119º lugar).

Para Ronaldo Lemos, presidente do conselho de administração do iCommons e professor de direito com ênfase em tecnologia da Fundação Getúlio Vargas, o resultado indica que há outros países fazendo políticas públicas de forma mais rápida do que o Brasil.

– O Brasil está demorando para fazer o dever de casa com relação à TIC e isso é urgente. Uma melhor infra-estrutura é fundamental. É preciso que a banda larga seja estendida para todos os municípios. Um outro ponto é o marco regulatório da internet brasileira do ponto de vista civil. Não há uma segurança jurídica adequada para atrair investimentos consistentes na área de tecnologia da informação – criticou Lemos.

Há avanços no uso das tecnologias pelo setor privado. Por esse critério, o Brasil ocupa a 36ª posição no ranking e a 20ª posição na capacidade de inovação no mundo. O setor privado brasileiro ainda é o 28ª que mais usa a internet. Está em 21º lugar em quantidade de fornecedores locais e 31% na sofisticação do mercado financeiro. Também é preciso considerar que o número de países analisados muda a cada ano. Mas mesmo assim, o Brasil tem perdido posições em análises relativas.

A Dinamarca aparece na primeira posição pelo segundo ano consecutivo. Cinco dos 10 primeiros lugares são ocupados pelos países escandinavos (Dinamarca, Suécia, Noruega, Finlândia e Islândia). Apenas quatro economias latinas estão entre os 50 primeiros colocados.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: